segunda-feira, 25 de julho de 2011

Dia do Escritor

Olá leitores!

Hoje é o Dia do Escritor! Ebaa! Parabéns a todos os escritores, blogueiros, jornalistas, twitteiros... Afinal, nós merecemos! Nós que pensamos sempre em como escrever algo que os outros possam gostar e passar para frente! Vocês acham que é fácil? Aah, não mesmo!

E tem jeito melhor de comemorar esse dia do que listar os meus escritores preferidos?

1 - Nicholas Sparks.
Como conheci os livros do autor? Não, meu amor pelas histórias não começou com a recente fama conquistada aqui no Brasil com o relançamento dos livros mais lidos dele.
Aos nove anos, eu gostava muito de ler as edições de livros condensados da Reader's Digest. E um dos primeiros livros que eu li neste formato foi "O Caderno de Noah" (vulgo Diário de Uma Paixão). Depois desse li "Um Ano Inesquecível" (Um Amor para Recordar), "Uma Carta de Amor", "O Resgate" e, no ano passado, "Querido John".
O que faz dele um dos meus escritores preferidos? O jeito como ele consegue extrair emoções extremas dos seu leitores. De alegria ou de tristeza, é difícil não terminar um livro dele chorando.

2 - Sophie Kinsella.
Como conheci os livros da autora? Eu estava nas Livrarias Curitiba, de bobeira, vendo a sessão de livros em inglês, quando me deparei com o pocket version do quinto do livro da Série Becky Bloom, chamado "O Chá-de-Bebê". Comprei e me apaixonei! Logo li "Os Delírios de Consumo" (o primeiro livro da série) e ganhei de aniversário "Delírios de Consumo na Quinta Avenida" (o segundo) e "Lembra de Mim?". Pretendo terminar a coleção de livros dela até ano que vem!
O que faz dele um dos meus escritores preferidos? A facilidade da leitura e os personagens bem montados.

3 - Marian Keyes.
Como conheci os livros da autora? Voltando da minha primeira viagem internacional, cansada de ficar sentada em uma posição semi-inclinada sem fazer nada, cheguei no aeroporto de Guarulhos e comprei o primeiro livro grosso que eu vi. Este livro era "Sushi", o melhor livro que já li da autora. Também li "Melancia", "Casório?" e "Los Angeles".
O que faz dele um dos meus escritores preferidos? Apesar do capítulo quase 'obrigatório' de depressão que habita em TODOS os livros dela (e torna um pouco cansativa a leitura), a história é amarrada e os personagens são fáceis de ser compreendidos.

4 - Sir Arthur Connan Doyle.
Como conheci os livros da autora? Foi por causa de duas amigas minhas, que eram viciadas, que comecei a ler a Série Sherlock Holmes. Não dá pra adivinhar o quanto eu gostei! Algumas histórias são engraçadinhas, outras tem um pouco de suspense, mas o melhor volume é o primeiro, chamado "Um Estudo em Vermelho".
O que faz dele um dos meus escritores preferidos? Eu ainda não consegui descobrir qual era o segredo da linha de raciocínio dele. No final de qualquer uma de suas histórias eu ficava admirada como ele conseguia trabalhar o leitor pra não adivinhar o final.

5 - Thalita Rebouças.
Como conheci os livros da autora? Escritora de livros adolescentes, ela esteve presente em uma grande parte da meus anos teen. Nunca li inteiro nenhum de seus livros, mas sempre dou uma olhadinha nos textos avulsos dela e posso dizer que são DELICIOSOS!
O que faz dele um dos meus escritores preferidos? Ela é engraçada e quando você lê, parece que você está lendo o texto de uma amigo super íntimo!

Um dia, espero estar na lista de melhores autores de alguém. Vou trabalhar para este fim e me espelhar nestes da lista!

Até a próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário